Carta ao bebé – Momentos para recordar na sua gravidez

A gravidez é uma fase maravilhosa e que deve ser recordada o mais fielmente possível, no entanto, nem sempre é fácil no meio de tanta coisa nova, arranjar imaginação para preservar esta fase.

No portal da mulher queremos garantir que se recordará de todos os momentos deliciosos e talvez ainda mais importante, que consiga transmitir ao seu filho todo o amor que sente por ele.

Hoje apresentamos uma dica para sua gravidez ainda mais simples e rápida, a carta ao bebé!

Partilhe os seus sentimentos pelo bebé durante a gravidez

Todas nós sabemos o quão difícil é exprimir os nossos sentimentos!

O dia passa a correr e com tanta coisa para fazer e organizar, acabamos por nos esquecer daquilo que realmente importa, o nosso filho!

Quantas vezes desejamos transmitir ao nosso filho tudo o que sentimos por ele e não conseguimos?

Temos uma solução muito simples e, no entanto, muito eficaz, escreva uma carta ao bebé!

Passo a passo!

  1.  Saiba escolher o dia! – Escreva a carta ao bebé num dia calmo e quando já não existirem outros assuntos para tratar. Certifique-se de que está longe da pressão do quotidiano e que tem todo o tempo do mundo.
  2.  Descreva tudo o que lhe vai na alma – Escreva tudo o que sente pelo seu bebé, sem esconder nada! Descreva tudo o que sente nesta fase da gravidez e todo o amor que já sente pelo seu bebé. Certifique-se de que ele entenderá exatamente o que significa para si.
  3.  Escreva a carta à mão e guarde-a num local especial – Atualmente a escrita em computador praticamente substituiu a escrita manual, mas para este momento tão especial, deverá utilizar a sua própria letra, pois terá muito mais valor quando o seu filho a ler, anos mais tarde.

Se a escrita não for o seu forte, pode substituir o texto por colagens de imagens e frases com as quais consiga identificar a gravidez.

Seja qual for o método escolhido, o importante é não deixar de escrever algo que o seu filho possa ler anos mais tarde.

Quando julgar que o seu filho já tem a maturidade suficiente para compreender os sentimentos de amor por um filho, entregue-lhe a carta e deixe que ele realmente perceba o que sente por ele.

Numa vida tão agitada como a nossa, estes momentos podem ser preciosos para facilitar a relação entre as crianças e a família, que por vezes pode ser tumultuosa.

0.00 avg. rating (0% score) - 0 votes

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.